Warning: is_readable(): open_basedir restriction in effect. File(/home/claudioreis/public_html/wp-content/languages/etm_manager/THEME_SLUG-br.mo) is not within the allowed path(s): (/home2/esperienza/:/tmp:/var/tmp:/opt/alt/php56/usr/share/pear/:/dev/urandom:/usr/local/lib/php/:/usr/local/php56/lib/php/) in /home2/esperienza/domains/clinicaesperienza.com.br/public_html/wp-includes/l10n.php on line 584
ESPERIENZA Odontologia de referencia: Inverno, frio, aquele alimento quentinho, aumenta as dores de dente?
Pesquisar Tratamento

Inverno, frio, aquele alimento quentinho, aumenta as dores de dente?

Inverno, frio, aquele alimento quentinho, aumenta as dores de dente?
julho 18, 2019

Há quem adore o frio, há quem deteste. Independente de qual seja sua opinião sobre essa estação do ano a verdade é que existe um ponto muito negativo em relação a ela; no frio as dores de dente costuma ser mais comuns. Mas por que será que isso acontece? É o que vamos descobrir agora!

Minha avó sempre dizia: “Quem toma sopa não toma água gelada!” A ideia de que o choque térmico pode estragar os dentes parece lógico, mas se minha avó tivesse conhecido o Petit Gateau certamente abriria uma exceção. Crendice popular… Sabedoria dos mais velhos… Será lenda? Mito ou verdade?

É verdade que o esmalte conduz o calor mais rapidamente do que a dentina. Desta forma, quando os dentes entram em contato com baixas temperaturas, o esmalte sofre uma contração mais rápida que a dentina, resultando num estresse térmico. Se a mudança de temperatura for muito alta, podem aparecer rachaduras no esmalte.

Uma prática comum entre crianças e adolescentes é morder e mastigar pedra de gelo. Isso não é recomendado, pois além de expor o dente à baixa temperatura, existe o risco de fraturar o dente. A estrutura dentária é muito friável e pode se partir quando tritura substâncias muito duras.

 

O que fazer quando aquela sensibilidade nos dentes aparece ao tomar um cafezinho feito na hora ou um sorvete saído direto do congelador? Ir ao dentista. A urgência não é exagerada se levarmos em consideração que o sintoma pode ser um indício de problemas no canal. Corriqueiro nos consultórios odontológicos, o tratamento de canal é feito quando o nervo interno de um dente está danificado.

 

Endondontista

Outro aspecto é a sinusite, que se manifesta com muita frequência nesta temporada de inverno. As raízes de premolares e molares ficam “mergulhadas” dentro do seio maxilar. Quando a sinusite se manifesta, essas raízes também são afetadas provocando uma dor de dente com sintomatologia bem igual a uma dor de dente normal.

Em todas as situações acima descritas o dente dói, mas não é o dente que está provocando a dor.

Todavia, mesmo se tratando as causas da dor, a mesma persistir certamente será necessário realizar um tratamento endodôntico (de canal)

Tanto no caso da sinusite como no da sensibilidade com o ar frio, a dor é passageira e específica de uma situação, ou seja, assim que as causas citadas sumirem, a dor deve ir embora junto. Se isso não acontecer, um especialista em tratamentos de canal deve ser procurado.

 

Ar frio

“O ar frio em contato com a superfície do dente por vários minutos acaba resfriando o esmalte, depois a dentina até chegar à polpa dentária (canal) que por sua vez é uma área rica em terminações nervosas que são rapidamente sensibilizadas pelo frio que reagem transmitindo o impulso nervoso que gera a sensação de dor”,

 

A primeira coisa a ser feita é saber o que está acontecendo. A boca está numa temperatura média de 36 graus Celcius. Ao abrir a boca a mesma fica em contato direto com uma atmosfera de 10 a 15 graus (temperatura média das noites de inverno). Essa inversão térmica constante afeta os dentes, principalmente aquele que estão com dentina exposta, lesões cariosas ou com algum tipo de trauma. Neste dentes as terminações nervosas estão mais sensíveis e, por isso, mais suceptíveis a dor.

 

CAUSA MAIS COMUNS ( NÃO TODAS) DE SENSIBILIDADE

 

Retração gengival

A retração da gengiva expõe uma área do dente que não é revestida por esmalte, e por isso essa região, o “colo” do dente, é sensível.

Cárie

Quando a cárie atinge a dentina ela provoca dor. Às vezes a dor é pequena, mas é sempre um alerta a ser considerado, pois sua evolução pode ser rápida.

Restauração fraturada ou com infiltração

A imagem da fratura ou infiltração de uma restauração nem sempre é visivel e muitas vezes a dor é a primeira manifestação. Neste caso a restauração precisa ser refeita.

Trauma oclusal

Acontece quando o equilíbrio oclusal não está bom, quando uma restauração nova ficou “um pouquinho” alta ou quando mordemos algo mais duro “de surpresa”. Sabe aquele peruá que de repente pegamos quando comemos pipoca? Ele é responsável por muitos traumas.

Desmineralização do esmalte por ação de ácidos

O consumo exagerado de refrigerantes, o refluxo do suco gástrico (gastrite, anorexia nervosa, bulimia), o uso de drogas ilícitas (metanfetamina), podem provocar erosão do esmalte dental.

 

Postou dentro Blog notícias de Claudio Reis | Tags: , , , ,